quinta-feira, 4 de novembro de 2010

Novidade UNL!!! - Poesias

Olá,

Caros leitores, a partir de hoje irei reservar um espaço neste blog para análise de poesias, não só de minha autoria, mas de autorias diversas com suas fontes publicadas.
Como o próprio nome já diz, vamos analisar e questionar, fazer com que você leitor, compreenda e se possível debata conosco a respeito.
Nem todos os temas abordados e escritos por nós acabam sendo postados, e sinceramente é um desperdício de informação, que por sua vez fica armazenada em nossos rascunhos...
Espero que gostem e comentem, pois o apoio maior que podemos ter é a sua opinião.

Pra começar...

Bicho

Vi ontem um bicho,
Na imundície do pátio,
Catando comida entre os detritos.

Quando achava alguma coisa,
Não examinava nem cheirava:
Engolia com voracidade.

O bicho não era um cão,
Não era um gato,
Não era um rato.

O bicho, meu Deus, era um homem.

(Manuel Bandeira)

Análise da Poesia...


Quantas vezes você já se deparou com tal situação? E o principal, qual foi a sua reação?
Mesmo o Brasil sendo um país potencialmente rico, tem famílias com renda domiciliar per capita inferior a meio salário mínimo por mês. Tudo isso é resultado de uma política que durante anos estimulou e ainda estimula a concentração de renda.
O problema será solucionado apenas quando houver reformulação das prioridades do governo, que como obrigatoriedade teria que enfatizar um desenvolvimento econômico que priorize uma melhor distribuição de renda e a geração de emprego.
Ao invés do programa “fome zero” deveria existir o “desemprego zero”, mas isso eles não querem né?

Agora é com vocês, o que me dizem a respeito?

por Raul Diamantino




Link para essa postagem


4 comentários:

  1. Cara, concordo com vc, progama fome zero mais eles mal ajudam as pessoas muiiito mais pobres, existes mendigos passando fome sem ter aonde morar, enquanto os ricos jogam comida fora para que os mendigos famintos vão até a lixeira para comer alguma coisa, i é isso ki eu tenho para falar!

    ResponderExcluir
  2. Boa analização,o programa "FOME ZERO",tem como fundamento,combater a fome e as suas causas estruturais, que geram a exclusão social e para garantir a segurança alimentar de todos os brasileiros,mas não foram esses os resultados obtidos,apesar de a fome ter diminuido, o progresso é muito inferior ao das expectativas criada pelo próprio Governo.
    Há um provérbio que diz:
    "Melhor do que dar o peixe,é ensinar a pescar".

    No meu ponto de vista o governo deveria sim criar programas que gerem rendas,empregos, profissionalização,ao invés de dar migalhas que não suprem as necessidades das populações

    ResponderExcluir
  3. Pode crer. Programas como fome zero, bolsa família e sei lá mais o que não são suficientes para manter uma família nem atender as nessecidades que precisam durante o mês.
    O melhor seria se estas pessoas tivessem emprego né, aí sim viveriam um pouco melhor.

    ResponderExcluir
  4. Infelizmente esta é a realidade do mundo capitalista e desorganizado em que vivemos.

    O que nos cabe, é perssistir na luta, e nos armarmos de conhecimento, e agirmos no intuito de multiplicar boas ideias e implanta-las nas mentes alheias com o carinho de quem não quer nada, com objetivo de sempre!!!

    Conheça, questione, queira, lute, persista!!!

    O resultado é consequencia!!!

    Parabens pela iniciativa Filhão, tamo junto!!!!!

    ResponderExcluir